Intercâmbio na My Target Idiomas

Idiomas mais importantes: quais falar para trabalhar em uma multinacional?

Idiomas mais importantes: quais falar para trabalhar em uma multinacional?

Quando pensamos no mercado de trabalho, falar inglês costuma aparecer como um diferencial. Entendemos que esse é um dos idiomas mais importantes para conseguir um bom trabalho. Por conta disso, muitos pais começam a investir no aprendizado do idioma desde cedo para seus filhos.

Entretanto, com a globalização, essa história começou a mudar! Calma, o inglês ainda está no mesmo patamar, mas passou a ser uma solicitação básica para se ter um bom currículo. Isso também aconteceu com o espanhol. Nessa perspectiva, outros idiomas ganharam mais importância para crianças e adolescentes aprenderem e terem uma formação completa.

Da mesma forma, essas línguas começaram a ganhar espaço na lista de requisitos das multinacionais. Elas ficaram entre as mais faladas por brasileiros e entre as mais solicitadas em diferentes oportunidades de emprego pelo mundo afora. De acordo com uma pesquisa realizada pela Catho, esses idiomas são espanhol, francês, japonês, alemão, italiano e mandarim.

É fato que essas línguas são necessárias não apenas para quem vai morar nesses países, mas também para os que pretendem trabalhar em multinacionais com filiais ou, até mesmo, sedes no Brasil.

Pensando no futuro de seus filhos, continue a leitura e conheça melhor os idiomas mais importantes para eles aprenderem desde cedo e garantirem um futuro brilhante!

O que você precisa saber sobre as multinacionais?

Antes de falarmos dos idiomas mais importantes para aprender e conquistar uma vaga para trabalhar em uma multinacional, é importante que fique claro qual é o conceito de multinacional. É comum ouvirmos falar sobre esse tipo de organização, mas poucas vezes sabemos o que ela abrange.

Uma multinacional é uma organização que atua no mercado internacional e, sendo assim, pode ter matriz em qualquer país. No Brasil, existem muitas multinacionais estrangeiras e nacionais.

Independentemente do cargo que a pessoa ocupa dentro dessas empresas, a formação é um requisito básico. Uma boa bagagem de estudos, unida ao conhecimento de diferentes idiomas, deixa de ser um diferencial quando o assunto é multinacional. Isso por que, dentro delas, o contato com profissionais do mundo todo é frequente.

Lembrando que não estamos falando de saber apenas o básico dessas línguas, principalmente do inglês, que precisa ser cada vez mais fluente na hora da comunicação.

Como falar mais de uma língua pode ser um diferencial?

Falar dois ou mais idiomas estrangeiros chama a atenção do mercado de trabalho. Um profissional poliglota pode até não receber mais em questões financeiras, mas sai na frente em relação aos seus concorrentes em vagas de destaque nas empresas.

Não é uma tarefa muito fácil para as organizações encontrarem profissionais bem qualificados que falem inglês e espanhol com fluência— idiomas mais requisitados. Assim, os pais que investem desde cedo no aprendizado dos filhos quanto a essas línguas abrem as chances deles quando forem trabalhar.

Enquanto isso, quem estuda línguas além dessas duas desde cedo destaca-se ainda mais. Afinal, como o inglês e o espanhol já se tornaram praticamente requisitos básicos, é preciso investir na conquista de diferenciais.

Quais são os idiomas mais importantes para as multinacionais?

Então, imagine junto ao inglês e ao espanhol fluentes o domínio do francês, do mandarim e de outros idiomas? Em muitas carreiras, desde trabalhos com tradução até direção de relações internacionais, as oportunidades crescem de acordo com a quantidade de idiomas dominados pelo profissional.

Vamos pensar em uma situação hipotética: uma multinacional francesa com sede no Brasil precise fazer contato com clientes no seu país de origem. Seu filho, além do inglês e do espanhol, também tem o francês como língua estrangeira. Agora, imagine-o entre os concorrentes para uma vaga nessa empresa!

Por fim, ser poliglota é mais que um benefício profissional, já que os ganhos na vida pessoal são enriquecedores. São oportunidades de conhecer novas culturas, conversar com pessoas de diferentes lugares do mundo, ler livros e assistir a filmes e séries no idioma original, entre outras vantagens.

Confira os idiomas mais importantes para aprender a falar desde a infância ou adolescência.

Inglês

Como vimos, a língua mais solicitada nas vagas de emprego continua sendo a inglesa. Afinal, ele é o idioma estrangeiro mais falado no mundo, ou seja, é o mais comum quando consideramos falantes não-nativos. Por isso, duas pessoas de países diferentes quase sempre conseguirão se comunicar em inglês.

Porém, só saber se virar com o idioma não é mais o suficiente! É importante investir para alcançar a fluência e, por isso, quanto mais cedo a criança começar a estudá-lo, melhor.

Espanhol

Uma das línguas mais faladas no mundo entre não-nativos, perdendo apenas para o inglês, o espanhol também é um dos idiomas mais populares no Brasil. Além disso, por ser parecido com o nosso, fica mais fácil aprendê-lo e dominá-lo logo.

Francês

Depois do inglês e do espanhol, o francês aparece como uma das línguas mais solicitadas nas multinacionais e também está em terceiro lugar entre as mais faladas pelos brasileiros. Isso mostra a crescente importância do idioma para garantir vagas no Brasil e no exterior.

Mandarim

Há alguns anos, o mandarim chegou a ser mais exigido do que o espanhol pelas multinacionais. Apesar de perder essa posição, o idioma nunca deixou de ter sua importância, já que as maiores empresas do mundo encontram na China um ótimo mercado.

Em constante desenvolvimento, o país tem economia forte e possui relações comerciais com empresas de toda parte, inclusive com muitas grandes organizações brasileiras.

Alemão

No caso da alemão, muitas das chances de bons empregos estão nas multinacionais, pois a Alemanha está abrindo espaço para profissionais do mundo todo. Lá, há vagas para áreas como medicina, enfermagem e engenharia em nível técnico ou de graduação e também para profissionais ligados à tecnologia, como programadores e desenvolvedores de softwares.

Um mercado cada vez mais competitivo é a realidade que espera as próximas gerações. Saber um idioma além do português não é mais um diferencial, principalmente com a facilidade de comunicação oferecida pelos meios digitais.

Nunca foi tão fácil fazer uma reunião com um possível cliente do outro lado do mundo. Contudo, profissionais qualificados nem sempre estão disponíveis. Por isso, é essencial investir no aprendizado dos idiomas mais importantes para o mercado de trabalho desde cedo.

Gostou de saber quais são os idiomas mais importantes para seus filhos aprenderem e, consequentemente, conquistarem um futuro brilhante? Então, compartilhe este post nas suas redes sociais e deixe seus amigos por dentro dessas super dicas!

Sobre o Autor

Luiza Meneghim

Diretora da My Target Idiomas, professora de inglês há mais de 20 anos. Apaixonada por idiomas.

Target Idiomas

Escolas de inglês, espanhol, italiano, mandarim, alemão e francês, em Joinville. Cursos de idiomas empresas. Aulas de Inglês e intensivo. Certificação TOEIC e intercâmbio.