Entenda por que você deve aprender Mandarim!

Entenda por que você deve aprender Mandarim!

Aprender um novo idioma é, sem dúvida, dar um passo importante para o crescimento pessoal e profissional. No entanto, você deve estar se perguntando: será que vale mesmo a pena aprender mandarim?

Nós acreditamos que o mandarim é recomendado para algumas situações especiais:

  • para quem pensa a longo prazo, observa a movimentação ao redor, tem ambição e quer seguir rotas alternativas;
  • para quem pensa fora da caixa e sabe que diferenciar-se dos demais é também aumentar as oportunidades;
  • para quem é fascinado com a cultura chinesa e anseia por conhecê-la em sua totalidade;
  • para os que acham que aprender os idiomas mais recomendados e disponibilizados no mercado não são opções atrativas;
  • para quem busca um novo desafio, um hobbie, uma nova experiência de vida.

Vale a pena conferir as vantagens de aprender mandarim. Neste texto, vamos falar um pouco sobre isso, elencando alguns bons motivos para que você se convença de que aceitar esse desafio pode ser uma ótima e assertiva escolha para a sua vida profissional e pessoal.

No entanto, vejamos antes um pouco sobre a origem do mandarim e sobre os países que têm esse idioma como língua oficial. Boa leitura!

A origem do idioma

O termo “mandarim” começou a ser utilizado no século XVII, quando os comerciantes portugueses negociavam chá, seda e outros produtos com os comerciantes chineses. Desde então, o idioma passou a ser chamado de mandarim pelos portugueses.

Mandarim é, portanto, o nome dado à principal variação da língua chinesa. É o idioma oficial, aprendido por todos e é proeminente principalmente nas regiões central, norte e sudoeste da China. Além deste país, Taiwan, Hong Kong, Macau e Singapura são as nações que, atualmente, têm o mandarim como língua oficial.

Por que aprender mandarim

1. Porque é a língua mais falada do mundo

Mais de 1,3 bilhão de pessoas no mundo usam o mandarim para se comunicar. Portanto, ter o domínio desse idioma abre muitas oportunidades de aprendizado, interação e novas descobertas.

Esse é, sem dúvida, um prato cheio para quem deseja construir a carreira de forma inovadora e diferenciada, uma vez que poucos brasileiros se dedicam a aprender esse idioma. Isso certamente fará toda a diferença em algum momento de sua vida.

2. Porque a China é uma economia forte, em constante crescimento

Quem escolhe aprender um novo idioma traçando objetivos profissionais a médio e longo prazos deve considerar o mandarim como opção. Afinal, a China já possui a segunda maior economia do mundo graças ao seu crescimento nos últimos 25 anos.

Com um PIB que cresce em média 10% ao ano, o país se desenvolvido de forma surpreendente, ampliando seus negócios e expandindo seus mercados.

Saber mandarim mostrará às empresas que possuem relações comerciais com a China que você está um passo à frente, atento à movimentação da economia mundial e às necessidades das grandes corporações. Oferecer o que as empresas procuram aumenta o seu valor profissional e melhora seu posicionamento no mercado de trabalho.

3. Porque o mandarim pode proporcionar grandes experiências

O mandarim abre portas para o conhecimento da cultura chinesa. Ao aprender esse idioma, você também poderá entender as tradições e os costumes dos chineses e conhecer as especificidades daquele povo de maneira intensa e completa — como só quem aprende a língua é capaz de fazer.

Essa afirmação pode, a princípio, não fazer muito sentido — já que também é possível descobrir sobre a cultura de um país falando inglês ou escutando a explicação de tradutores e guias, por exemplo.

No entanto, nenhuma dessas experiências se compara ao aprendizado natural, obtido por meio de conversas com os próprios chineses ou pela observação do estilo de vida da população e dos seus diálogos, da forma como se comunicam e se comportam.

4. Porque você terá grande vantagem competitiva no mercado de trabalho

Aprender mandarim é ter uma carta na manga para futuras e promissoras oportunidades que surgirem em seu caminho — principalmente quando essas oportunidades forem relacionadas a multinacionais e grandes corporações que fazem negócios com a China.

5. Porque o mandarim pode ajudar na valorização salarial

Profissionais que carregam o mandarim no currículo recebem salários maiores. Afinal, eles podem oferecer às empresas algo que é valioso e que poucos dominam. O reconhecimento e a valorização desses profissionais são essenciais para as organizações que desejam mantê-los por perto.

Fazendo uma analogia simples, é como se o profissional fluente em mandarim fosse a porta de acesso a grandes negócios para a empresa. “Fechar” essa porta traria grandes prejuízos e desperdiçaria boas oportunidades de negócios.

6. Porque aprender mandarim ajuda a exercitar o cérebro

Esqueça o alfabeto! No mandarim, as línguas escritas e faladas são diferentes e independentes. Cada palavra possui uma pronúncia e um símbolo com sua forma escrita.

Exatamente por isso, o mandarim é uma língua complexa que requer foco, dedicação e boa memória. Nessa língua, existem mais de 60 mil símbolos (ideogramas) e, destes, cerca de 10 mil são utilizados atualmente.

No entanto, não se preocupe, existem boas técnicas para aprender o mandarim. O processo de aprendizado desse idioma é também um grande exercício para o cérebro e, sem dúvida, um treinamento intenso para exercitar a disciplina, a organização e o cumprimento de metas.

Vale ressaltar que aprender um novo idioma ajuda a melhorar a saúde mental, a treinar a concentração e a otimizar a sua capacidade de aprendizado.

7. Porque o mandarim é uma língua fascinante

O mandarim é um idioma que não possui conjugação verbal. Ele tem um padrão de linguagem simples e objetivo, em que os elementos, juntos, criam o contexto. Para explicar melhor, traduzindo frases em chinês para o português, seria algo como: “ontem no mercado eu ir” ou “ontem nós ir restaurante”.

Quer mais? Para falar mandarim com propriedade, você precisa aprender a “cantar” as palavras. Isso porque uma mesma sílaba ter cinco tons diferentes e pode significar até 45 palavras diferentes. O que poderá diferenciá-las? A entonação aplicada na voz na hora da pronúncia e no contexto.

Como aprender mandarim online

Como você pode perceber, aprender mandarim é algo extremamente vantajoso, seja para o seu desenvolvimento profissional seja para o pessoal. Dessa forma, além de se matricular em um curso de mandarim, também é possível aprender com aplicativos online — muitos, inclusive, gratuitos.

Quer conhecer alguns deles? Listamos os principais abaixo:

1. Nemo chinês mandarim

O Nemo chinês mandarim é um dos apps mais recomendados para quem quer aprender mandarim. Ele possui versões tanto para Android quanto para iOS. Com ele, você vai aprender os caracteres por meio de conteúdos variados.

Além disso, o app disponibiliza exercícios para a fixação do conteúdo e promete ensinar uma palavra nova por dia. Dessa forma, o ensino se torna menos repetitivo e, também, parte de sua rotina.

2. Memrise

O Memrise vai ajudar você a aprender mandarim de forma fácil e, acima de tudo, bastante descontraída. A plataforma foca no aprendizado por meio de jogos, memorizações e repetições, fazendo com que o usuário absorva todo o conteúdo de maneira leve e divertida.

Além disso, trata-se de um aplicativo bastante completo, que disponibiliza cursos contínuos, tanto pagos quanto gratuitos. Você pode encontrá-lo em versões para Android e iOS.

3. Busuu

Disponível para Android e iOS, o Busuu é um dos aplicativos mais baixados por aqueles que desejam aprender outro idioma e conhecer outras culturas. Com o mandarim, isso não poderia ser diferente.

Funcionando como uma rede social focada no aprendizado, ele é amplamente utilizado em países como o Brasil, a Turquia, a Alemanha e a China. Essa é uma ótima oportunidade para se comunicar com nativos, não acha?

Nele são ofertados cursos gratuitos e pagos, divididos em categorias diversas. Além disso, para cada unidade, os usuários são beneficiados com materiais completos, com um vocabulário de, pelo menos, três mil palavras e frases, diálogos em áudio, podcasts e cartilhas em PDF.

4. ChineseSkill

Perfeito para iniciantes, o ChineseSkill está disponível para Android e iOS. Ele apresenta uma interface simples e divertida e, se você já utilizou o Duolingo — app que ainda não conta com uma versão em mandarim — para aprender outro idioma, vai notar que os dois são aplicativos com uma metodologia bastante similar.

Com esse aplicativo é possível aprender e treinar a escrita, a fala, a leitura e as habilidades de escuta em mandarim. O conteúdo começa do básico e é dividido em categorias — como números, cores, alimentos e outras.

5. HelloChinese

Parecido com o ChineseSkill, o HelloChinese segue a mesma metodologia de ensino, o que torna difícil escolher qual dos dois é o melhor para quem deseja aprender mandarim.

O conteúdo é apresentado de maneira divertida, rápida e eficiente. Além disso, o aplicativo possui versões para Android e iOS e funciona como uma espécie de jogo, no qual é possível subir de nível de forma contínua à medida que você avança no curso.

Como vale para qualquer idioma, aprender mandarim depende unicamente da sua dedicação e do seu esforço. Se você está decidido a entrar nesse mundo fascinante, esteja também disposto a dedicar tempo e atenção às aulas e tarefas. Só assim os resultados serão satisfatórios e produtivos.

Quer receber mais dicas sobre como aprender mandarim e outros idiomas? Assine a nossa newsletter e receba informações exclusivas e valiosas diretamente em seu e-mail. Até o próximo artigo!

  • Leonardo Amorim

    Nosssa!!!! É de torrar o cérebro hein. Eu já sou esquecido, esqueço fácil as coisas, mas parece interessante. O ruim que vejo no mandarim é o intercâmbio e morar lá, porque a China ainda tem o comunismo que ainda tá forte lá e com isso há intolerância religiosa. Não conseguirei muitas coisas por causa dessa intolerância religiosa. Ainda em outros países de língua espanhol, inglesa, francesa e alemã já são tolerantes. Tenho um amigo que somos da mesma religião e ele no seu canal chamado 2 A Mais na China ela mostra como é a intolerância religiosa, realmente é muito complicado. :

  • Leonardo Amorim

    Nosssa!!!! É de torrar o cérebro hein. Eu já sou esquecido, esqueço
    fácil as coisas, mas parece interessante. O ruim que vejo no mandarim é o
    intercâmbio e morar lá, porque a China ainda tem o comunismo que ainda
    tá forte lá e com isso há intolerância religiosa. Não conseguirei muitas
    coisas por causa dessa intolerância religiosa. Ainda em outros países
    de língua espanhol, inglesa, francesa e alemã já são tolerantes. Tenho
    um amigo que somos da mesma religião e ele no seu canal chamado 2 A Mais
    na China ela mostra como é a intolerância religiosa, realmente é muito
    complicado. :
    Eu gostaria de morar, seja na China ou outro país, em lugar de frio, em que o verão não passe de 10 graus, não curto calor, verão, curto frio aquele clima gostoso e fresquinho e geladinho. ^_^

Target Idiomas

Escolas de inglês, espanhol, italiano, mandarim, alemão e francês, em Joinville. Cursos de idiomas empresas. Aulas de Inglês e intensivo. Certificação TOEIC e intercâmbio.